Whatsapp e os pequenos negócios

Whatsapp e os pequenos negócios

Whatsapp Vendas
Sobre o autor: Mestrado em Gestão e Planejamento | Especialização em Comunicação Empresarial e Marketing. Atuações e consultorias em Gestão e Marketing no Brasil e América Latina.

Volume 6 Nº 3 (2018) REGEM ago 2018

ISSN 2763-8022 (International Standard Serial Number)


72% dos pequenos negócios usam o WhatsApp para falar com os clientes. Pesquisas apontam que uma pessoa normal visualiza a sua conta no WhatsApp de 70 a 150 vezes no dia.

Uma pesquisa realizada pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) apontou que nos últimos três anos os pequenos negócios no Brasil investiram muito na informatização e uso de novas ferramentas digitais, em especial as redes sociais. Facebook e WhatsApp são as ferramentas mais usadas pelas micro e pequenas empresas para divulgar produtos e serviços e para relacionamento. A maioria (72%) usa o WhatsApp para falar com os clientes e 40% mantêm perfil no Facebook.

Ao desenvolvermos e hospedarmos o website de sua empresa, a iBlueMarketing® levará em conta se você utiliza o WhatsApp para atendimentos. Dessa forma poderemos programar acesso online para quem estiver navegando em seu site. Basta um clique no site para que clientes estejam conectados com o WhatsApp de sua empresa. Rápido, fácil e sem intermediários!

Ao mesmo tempo, nosso sistema CRM de malas diretas online também estará integrado ao site permitindo que você tenha relatórios de interação para que seu departamento comercial tenha melhores resultados.

Prof. Saulo Carvalho

Os principais usos são disponibilizar informação de produtos ou serviços (59%), atender o cliente online (59%) e fazer vendas (43%). A proporção de empresas com página na internet mais do que dobrou, passando de 11% para 27% das MPE, sendo que o maior avanço foi no uso de WhatsApp e Facebook. Para 51% dos entrevistados, as vendas pela internet e redes sociais vão avançar mais do que as vendas tradicionais, nos próximos cinco anos.

Atualmente, 73% dos microempreendedores individuais, 91% das micro empresas e 99% dos empresários das empresas de pequeno porte acessam a internet e o fazem predominantemente por meio do celular e do computador na empresa. “Vivemos numa era em que as pessoas passaram a adotar um comportamento cada vez mais digital. E para os pequenos negócios já é obrigatório ter uma presença nesse mundo tecnológico, utilizando as ferramentas que estão na palma da mão dos clientes a todo momento”, disse a presidente em exercício do Sebrae, Heloisa Menezes, sobre o estudo “Transformação Digital nas MPE”. Foram 6.022 entrevistas em todo país, por porte e setor da empresa, sexo, faixa etária e escolaridade, entre abril a junho deste ano. WhatsApp Business O WhatsApp Business, versão para negócios do popular aplicativo de mensagens, já funciona no Brasil e pode ser muito útil para quem quer usar as conversar para empreender.

O formato é igual ao WhatsApp tradicional, o que muda é forma de visualização e interação entre empresa e usuário, que passa a ter acesso ao nome da empresa, endereço, email, descrição comercial e site oficial. Os clientes não precisam ter a versão Business, basta adicionar o contato das empresas. Além dos recursos que a gente já conhece, o WhatsApp Business conta com ferramentas boas para o negócio, como as mensagens automáticas para avisar quando você está ausente ou para mandar uma saudação quando um cliente entrar em contato pela primeira vez.

Já a empresa também pode configurar respostas prontas para as perguntas mais frequentes e divulgar os horários de funcionamento. Além disso, o perfil empresarial oferece estatísticas sobre as interações, número de mensagens enviadas, recebidas e lidas. Também dá para responder aos seus clientes diretamente do navegador do computador, usando o WhatApp Web.

Se o dono do negócio tiver números de telefone pessoais e comerciais separados, pode ter o WhatsApp Business e o WhatsApp instalados no mesmo telefone e registrá-los com diferentes números. Há ainda suporte para números fixos, ou seja, o telefone comercial pode receber mensagens. Durante a verificação, selecione a opção “Me ligue” para receber o código por meio de uma chamada telefônica.

Do lado do cliente, quando ele adiciona o perfil comercial, recebe de cara mensagens amarelas alertando da criptografia ponta a ponta do WhatsApp e que a conversa está ocorrendo com uma conta comercial ainda não verificada, e que o app ainda está verificando a conta. Contas verificadas ganham um selo verde ao lado do nome, algo similar ao que ocorre com contas verificadas no Twitter.

Confira a seguir, as 9 dicas de ouro para começar a usar o WhatsApp como ferramenta de atendimento na sua empresa:

1. Tenha um número específico

Nada de usar o seu número de celular pessoal para o serviço. Tenha um número e um celular só para o atendimento que será feito via Whatsapp.

2. Deixe que o seu cliente tome a iniciativa

Caso o seu cliente deseje receber esse tipo de atendimento, ele deverá ter que no mínimo, autorizar. Jamais entre em contato ou inicie uma conversa sem autorização prévia.

3. Tenha uma equipe treinada

Treine os seus funcionários para realizar o serviço. Além do uso da ferramenta, é necessário também usar uma linguagem adequada, nem tão formal, nem informal demais. É preciso também se preparar para as reclamações que poderão vir.

4. Não seja amador

Há muitas empresas que oferecem soluções já prontas para atendimentos via Whatsapp. Vale a pena dar uma olhada no mercado.

5. Não faça uma ação isolada

De alguma forma, você deverá integrar os atendimentos realizados via Whatsapp com os demais atendimentos realizados por outros canais como por exemplo, e-mail, telefone, presencial. É fundamental para o sucesso da sua empresa manter um histórico atualizado de seus clientes.

6. Se prepare para responder

Quando se cria um novo canal de relacionamento, se faz necessário se preparar para as demandas que vierem. Pode ser que você tenha pouca procura, ou uma procura além do esperado. Tenha um plano B, caso isso aconteça.

7. Estabeleça um horário

O Whatsapp é um canal de troca de mensagens. E este fator, fará com que o seu cliente exija respostas imediatas. Se você não tiver essa disponibilidade, deixe claro quanto tempo leva para que a sua empresa responda e estabeleça um horário de atendimento.

8. Ofereça também outros serviços

Além de criar um espaço para interação com o seu cliente, você também poderá oferecer outros serviços, como acompanhamento de pedidos, caso sua empresa seja um e-commerce, por exemplo.

9. Avalie o resultado.

Faça avaliações periódicas do uso do Whatsapp como ferramenta empresarial e analise: • Houve aumento das minhas vendas? • Economizei com outros canais como telefone e esforços de vendas presenciais? • Meu cliente ficou satisfeito?

Fontes: https://tecnologia.uol.com.br/noticias/redacao/2018/08/12/entre-pequenos-empreendedores-whatsapp-e-rei-veja-como-fechar-negocio.htm | http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/ufs/pr/artigos/whatsapp-para-empresas-vale-a-pena,9975b00f1410b510VgnVCM1000004c00210aRCRD


 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1
Consultor online
Acesse o Chat para ser atendido! Como podemos ajudar sua empresa ou negócio? (s)